| Presidente Prudente/SP

Empresa inicia mudança no transporte coletivo de PP

ROGÉRIO MATIVE

Em 21/12/2017 às 15:06

No próximo mês, a empresa segue com um novo nome: Prudente Urbano. As cores também sofrerão mudanças, com o vermelho dando espaço para um amarelo vivo

(Foto: Cedida/AI)

A mudança está previsa para ter início a partir de 6 de janeiro. Contudo, a Pruden Express solicitou à Secretaria Municipal de Assuntos Viários (Semav) autorização para colocar em circulação 15 ônibus com as novas identificações visuais. O objetivo da empresa vencedora da licitação do transporte coletivo, em Presidente Prudente, é facilitar a transição para o novo sistema.    
 
Operando os serviços no município desde 1993, após a saída da Transporte Coletivo Brasília (TCB) em processo de intervenção durante gestão do ex-prefeito Agripino de Oliveira Lima, a Pruden Express presta os serviços de transporte ao lado da TCPP.
 
No próximo mês, a empresa segue com um novo nome: Prudente Urbano. As cores também sofrerão mudanças, com o vermelho (Pruden Express) e azul (TCPP, que será fechada) dando espaço para um amarelo vivo, além do logotipo da Prefeitura presente nas laterais dos veículos.
 
Apesar da antecipação da circulação da nova frota, os ônibus ainda não estarão equipados com os itens exigidos em edital, como os roteadores de internet, por exemplo.  "É compreensível o pedido até porque a empresa se encontra em fase de transição para o novo modelo e necessita colocar em circulação os veículos para não prejudicar os usuários", pontua o titular da Semav, Oswaldo Bosquet.
 
Nova frota
 
A Pruden Express terá que dispor em sua frota três tipos de veículos exigidos no edital: modelo Midi - dimensões menores -, com frota de 51 carros; 46 básicos; e seis no modelo Padron - com piso rebaixado. Nas duas primeiras categorias, os ônibus deverão possuir idade média de seis anos. Já o último modelo deverá ser 0 Km.
 
Os ônibus serão dotados com tecnologia GPS, wi-fi e câmeras, além de bilhete eletrônico e biometria facial. Haverá realinhamento das linhas. A empresa terá que pagar uma outorga de R$ 3 milhões à Prefeitura. O valor deverá ser investido na melhoria contínua do transporte coletivo.
 
Avaliado em torno de R$ 422 milhões, o contrato do serviço tem duração de 10 anos.
Compartilhe
Notícias Relacionadas

Rua Catharina Venturim Peretti, 171

Mário Amato - Presidente Prudente-SP

Telefones: 18-3909 3629 | 18-98122 7428

© Portal Prudentino - Todos os direitos reservados.