| Presidente Prudente/SP

Parceria beneficia horta orgânica e plantio de café em escola de PP

Da Redação

Em 27/12/2017 às 10:22

Galhos estão servindo de adubo para a horta orgânica e no plantio de café da Etec

(Foto: Cedida/AI)

Galhos cortados de árvores próximas ou em contato com a rede elétrica após a poda ganharam uma utilidade mais sustentável: triturados, estão servindo de adubo para a horta orgânica e no plantio de café da Escola Técnica Estadual (Etec) Professor Dr. Antonio Eufrásio de Toledo, de Presidente Prudente.
 
“Esses resíduos contribuem para o enriquecimento do solo. E por isso, temos utilizado esse material como compostagem nos adubos que são colocados na horta orgânica e também no plantio de café. Ficamos muito entusiasmados quando a parceria deu certo, pois sabíamos que nos ajudaria, contribuindo no trabalho desenvolvido pelos alunos do curso de agropecuária”, destaca Gisele Rabelo Salomão, engenheira agrônoma e professora da escola.
 
O projeto faz parte de parceria com a concessionária Energisa Sul-Sudeste, que realiza diariamente podas em árvores próximas ou em contato com a rede elétrica para evitar interrupções de energia durante temporais. “Com essa iniciativa, ganhamos um local e um projeto muito relevante para o descarte correto e sustentável dos resíduos de poda de árvore, além de contribuir para a preservação do meio ambiente. Periodicamente, as equipes da empresa vão até a escola levar os resíduos para utilização dos alunos nos projetos”, explica Bruna Cruzeiro Lopes, engenheira do Meio Ambiente da companhia. 
 
“Temos recebido novos pedidos de apoio. Com certeza, em breve, teremos novas parcerias”, enfatiza Bruna.  
 
Caminhões com trituradores de galhos
 
Neste ano, a empresa investiu  R$ 3,5 milhões na aquisição de oito trituradores de galhos e oito novos caminhões com cesto aéreo para as atividades de poda. Os equipamentos vão em conjunto nas operações de recolha dos galhos podados.
 
Os trituradores representaram um investimento de R$ 1 milhão e os caminhões totalizaram um investimento de R$ 2,5 milhões. Eles contam com braços articulados de 13 metros de comprimento, que facilitam os procedimentos poda.
 
“Os equipamentos estão percorrendo as áreas de concessão da empresa e contribuindo nessa tarefa diária de poda e recolhimento dos resíduos. Ganhamos muito mais agilidade no trabalho de limpeza que fica após as podas das árvores e dando o destino correto para esse material”, destaca Luiz Moreto, gerente de Construção e Manutenção da concessionária.
Compartilhe
Notícias Relacionadas

Rua Catharina Venturim Peretti, 171

Mário Amato - Presidente Prudente-SP

Telefones: 18-3909 3629 | 18-98122 7428

© Portal Prudentino - Todos os direitos reservados.