| Presidente Prudente/SP

Parecer desfavorável ajuda gestor a administrar, diz presidente do TCE

Da Redação

Em 22/03/2018 às 18:13

Objetivo foi discutir temas como criação de ouvidorias, fortalecimento do controle interno, alertas e apontamentos realizados pelo TCE-SP

(Foto: Secom)

Nesta quinta-feira (22), a cidade de Presidente Prudente sediou a abertura do 22º Ciclo de Debates com Agentes Políticos e Dirigentes Municipais promovido pelo Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP). O evento no Centro Cultural Matarazzo reuniu aproximadamente 400 pessoas de 59 municípios da região.

O objetivo do evento foi discutir temas como criação de ouvidorias, fortalecimento do controle interno, precatórios judiciais, aplicação de recursos no ensino, alertas e apontamentos realizados pelo TCE-SP em contas das Prefeituras.

“Nosso objetivo é promover melhorias e imprimir um sentido pedagógico e didático. Quando emitimos pareceres desfavoráveis, estamos ajudando os gestores a administrar e evitando que os problemas aumentem”, disse o presidente do TCE-SP, conselheiro Renato Martins Costa.

Durante o encontro, Costa mostrou exemplos relacionados à fiscalização do Tribunal de Contas relacionados a obras, merenda, transporte escolar, entre outros. O presidente do órgão afirmou que a emissão de alertas é importante para orientar os administradores.

“Fiscalizamos todos os municípios do Estado de São Paulo, exceto a Capital, que possui seu próprio tribunal. Nosso objetivo é apontar as falhas na administração, mas de forma a contribuir para as gestões, com a sociedade e comunidade, afinal ninguém nasceu pronto para ser prefeito, e nosso papel é o de apontamento e orientação”, declarou.

Ao longo do ano, mais 11 debates serão realizados pelo Estado.

Compartilhe
Notícias Relacionadas

Rua Catharina Venturim Peretti, 171

Mário Amato - Presidente Prudente-SP

Telefones: 18-3909 3629 | 18-98122 7428

© Portal Prudentino - Todos os direitos reservados.